Menu

Blog

O que o colaborador espera da comunicação interna

Voltar para os posts

Muito se fala sobre a importância da comunicação interna nas empresas e sobre como é benéfico manter os colaboradores alinhados e bem informados. É natural que, em um primeiro momento, as empresas apostem em canais mais noticiosos. Porém, o que de fato os profissionais esperam de um canal de comunicação interna? Será que apenas comunicados institucionais são capazes de gerar benefícios reais para a companhia?

Não importa se a comunicação interna acontece por meio de uma intranet, de um jornal mural ou de um grupo de e-mails. O que irá definir a eficiência do canal dentro da companhia são os conteúdos ali inseridos, como os colaboradores têm acesso a ele e de que forma esses conteúdos vão contribuir para o dia a dia de trabalho.

Não existe uma unanimidade sobre quais conteúdos devem estar presentes em um canal de comunicação interna, nem sobre qual o formato de conteúdo mais adequado para cada canal. Porém, normalmente, os profissionais têm visões parecidas do que se espera de um veículo corporativo de informação.

Evite surpresas

Uma situação muito comum em empresas que não investem em comunicação interna é o colaborador ser surpreendido com a chegada de um novo colaborador ou a saída de um antigo. É muito importante que os canais de comunicação interna sejam utilizados como forma de anunciar a chegada de novos colaboradores. Da mesma forma, por mais chato que isso possa parecer, as demissões e saídas voluntárias também devem ser informadas. Não precisa entrar em detalhes sobre os motivos da saída. O importante é que todos estejam cientes sobre a entrada e saída de funcionários. Lembre-se: quando a informação parte da própria empresa, a tendência de a famosa “rádio corredor” tomar o assunto para si é mínima.

Vagas abertas

Quando alguém está satisfeito com a empresa onde trabalha, é normal que ela queira indicá-la para sua rede de contatos. Nesse sentido, é muito importante que as vagas em aberto na companhia sejam divulgadas internamente, por meio de um canal de comunicação interna.

Conquistas individuais

Todo mundo gosta de ter seu trabalho reconhecido pela empresa. Então, porque não dar publicidade para as conquistas dos seus colaboradores? Não precisam ser apenas notícias sobre promoções, mas também, certificados conquistados, cursos concluídos, anos de empresa completados. Levar esse tipo de informação para toda a empresa permite que o colaborador seja parabenizado pelos seus colegas e sinta-se valorizado dentro da companhia.

História da empresa e casos de sucesso

As pessoas gostam de boas histórias. Uma das melhores formas de estimular a empatia dos colaboradores pela empresa é disponibilizar no canal de comunicação interna um espaço onde eles possam encontrar mais informações sobre a história da empresa, como ela foi fundada e suas principais conquistas. Além disso, é legal disponibilizar um espaço para que o colaborador tenha acesso à carteira de clientes da companhia, bem como seus principais casos de sucesso nesses clientes. Dessa forma, além da empatia, seus colaboradores terão informações para ajudar a “vender o peixe” da empresa sempre que tiverem a oportunidade.

Espaço para críticas e sugestões

Sem dúvida alguma, a melhor forma de trazer credibilidade para os canais de comunicação interna é disponibilizar um espaço para que os colaboradores deixem suas críticas e sugestões. Uma comunicação bidirecional faz com que os funcionários sintam que têm suas vozes ouvidas. Dessa forma, a empresa evita que boas ideias fiquem apenas na cabeça dos colaboradores e que insatisfações sejam compartilhadas sem que os gestores tomem conhecimento e ações corretivas.

Notícias do setor em que a empresa atua

Toda empresa deseja contar com colaboradores antenados e atualizados com as novidades que surgem (cada vez mais rápido) no mercado. Nesse sentido, os canais de comunicação interna podem contribuir de forma significativa para a atualização dos usuários. Uma boa dica nesse sentido é fazer um compilado das principais notícias do seu segmento de atuação e compartilhá-la através do seu canal de comunicação interna.

Informações “não-corporativas”

Todo mundo gosta de, ao longo da jornada de trabalho, dar uma refrescada na cabeça. Porque não fazer isso dentro do canal de comunicação interna? Disponibilize um espaço para que seus colaboradores possam compartilhar suas férias, combinar eventos fora da empresa (a “pelada” no final do expediente, uma corrida de rua, um show legal, uma exposição interessante e por aí vai). Dessa forma, além de dar um caráter mais informal à comunicação interna, você torna o canal mais interessante e engajador.

Não existe uma fórmula perfeita para um canal de comunicação interna. Cada empresa tem suas particularidades e deve avaliar quais informações devem ser disponibilizadas para seus colaboradores e qual o melhor formato para transmiti-las. Se você está implantando um canal de comunicação interna na sua empresa ou pretende reformulá-lo, uma boa dica é ouvir de seus colaboradores o que eles gostariam de encontrar nele.

0 comentários

Comentar